A busca de hábitos saudáveis é realidade em todas famílias, a rotina do dia a dia é desafiante: tomar banho, escovar os dentes, passar fio dental, comer frutas, organizar o material, fazer tarefa, novas atitudes e comportamento… Como motivar hábitos sem cobrança e sim com foco no potencial e talento de cada criança e família?

Primeiramente… Como Identificar os talentos: é preciso ajudar as crianças a identificarem quais são as fortalezas, os dons, o potencial que possuem. Uma boa maneira de começar é observar os interesses que as crianças têm. O que elas mais gostam de fazer? Em quais atividades elas apresentam maior desenvoltura? O que realizam com prazer e fluidez, o que gostam de ensinar para os colegas? O que deixa seus olhos vibrantes! O sorriso, entregar a alegria… e hábitos saudáveis.

Claro, o foco são os hábitos legais das crianças, mas perguntamos como mudar hábitos não saudáveis ? Hábitos como chupar dedo, mamadeira, chupeta, ranger os dentes, unha, e outros comportamentos são frequentes na infância.

É! Sabemos que não é fácil! Dra. Paulene Cardoso ( Ortodontista; Master Coach ), com 15 anos de experiência observa que as crianças substituem hábitos por novas habilidades quando focamos e e integramos seu potencial (o talento), os sentimentos e a percepção, assim como a disciplina para novas atitudes, respeitando o tempo e processo de cada indivíduo. O novo hábito depende principalmente da decisão da pessoa, do visualizar o benefício deste hábito e das atitudes novas que as crianças vão conquistar. Quais são estas atitudes?

Uma resposta que motiva muito os pais… Crianças que conquistam novos valores, hábitos e atitudes saudáveis ganham mais autonomia, criatividade, auto estima, confiança, Gratidão e até liberdade de descobrir novas habilidades e desenvolver novos talentos!

Como o livro talentos que transformam hábitos pode apoiar novas atitudes?
O método do livro e deste caminho saudável tem foco no autoconhecimento lúdico, no conviver com relações saudáveis, no fazer com novas habilidades e no motivar para transformar o hábito em atitude saudável com muita gratidão. As vivências do livro podem ser realizadas com os pais ou em grupo com educadores e profissionais de saúde por meio de palestras e workshop. O Calendário do Sucesso, plano de ação divertido e Árvore dos Talentos são algumas vivências para apoiar atitudes com talento e disciplina, para direcionar seu tempo para atitudes e habilidades focadas, para organizar com prazer sua rotina saudável e para celebrar novas atitudes.

Em quanto tempo posso transformar um hábito? Mudar um hábito é sua decisão e pode conseguir em um dia, um semana, 21 dias (como é slogan), mas transformar um hábito é um desafio que pode levar meses – média de 2 a 3 meses – considerando a disciplina de desenvolver um talento e valorizar seu potencial todos os dias. Não existe pressão e sim decisão, e claro você pode ter um apoio de educadores, coaches, profissionais de saúde ou terapeutas de acordo com a identidade da família.

E quando muda o hábito mas não mantêm, não transforma em novas atitudes?
Reconhecer os desafios é um aprendizado. Conquistar novos hábitos, habilidades e atitudes e aprender com outras pessoas, dividir os desafios, entender que fazemos o melhor que podemos no momento presente!

Estar presente em cada ação do hábito, com o sentimento e percepção das atitudes, com intenção do objetivo e desfrutando dos benefícios de novas habilidades. Agora sim o hábito é transformado “em atitude prazerosa, sem cobrança, julgamento, culpa”. Este é mais um novo ‘desafio’! E como avançar nestes desafios…

Quando transformado um hábito, o que acontece?
Ganhamos novas atitudes e compartilhamos sempre, lembre-se: usar os talentos para ajudar os outros. Devemos ensinar aos nossos filhos que eles podem usar seus dons e talentos para beneficiar outras pessoas e esta é a maior transformação.

O que é Saudável

Saudável é:
– Amamentação por no mínimo 6 meses;
– Respiração exclusivamente nasal;
– Ausência de hábitos bucais (chupeta, dedo, mamadeira, etc);
– Alimentar bem com alimentos saudáveis ( 5 frutas por dia);
– Escovar os dentes e passar fio dental;
– Mastigação bilateral com alimentos duros e secos que estimulem a musculatura bucal;
– Usar protetores bucais para evitar traumas dentários.

Como hábitos bucais não saudáveis podemos citar: respiração bucal, sucção de dedo, chupeta ou lábio, uso da mamadeira, bruxismo, onicofagia (roer as unhas).
Os hábitos bucais podem interferir no desenvolvimento correto da criança, podendo levar a alterações oclusais como:
– Alterações no posicionamento dos dentes;
– Desvio do crescimento dos ossos da maxila e mandíbula;
– Alterações na deglutição (ato de engolir);
– Alterações na fonação (fala);

Para que a má oclusão se instale, devemos observar:
– Intensidade do hábito – quantas horas por dia;
– Duração do hábito – quanto maior o tempo de uso, maiores as seqüelas;
– Biotipo da criança – padrão hereditário (caso algum dos pais apresentem algum tipo de má oclusão)

Como Mudar hábitos: Dicas e Soluções

É importante compreender e procurar a causa do hábito. O apoio familiar é muito importante, deve-se evitar chantagens, punições ou castigos. Vale mais conscientizar a criança sobre os efeitos causados nos dentes e estimular através de programas educativos que transformem o habito.
A mudança do hábito antes dos 4 anos de idade previne o uso de aparelhos pois em alguns casos a má oclusão é corrigida espontaneamente e com o treino de mastigação.

Como substituir a Chupeta SEM MEDO!
A chupeta… É o sossego para os pais e um grande prazer para as crianças! Principalmente para dormir e em situações de desafios ou choro! Procure então uma chupeta ortodôntica para ficar tranquila que não vai fazer mal aos dentes e a arcada!
Como Ortodontista Indicamos que o tamanho da chupeta seja compatível com a idade da criança e que possa ser evitada ou substituída até 3 anos de idade pois a mordida aberta ( má oclusão) ainda pode ser corrigida espontaneamente, ou seja, evita o uso de aparelhos futuros.

Como mãe protelamos a substituição da chupeta pois temos medo, medo da criança chorar, de não dormir, ficar nervosa e existem várias técnicas para apoiar os pais.
Algumas dicas:
1- Escolher a época adequada (coincidir com a idade escolar);
2- Olhar nos olhos dela e dizer, escolha qual dia vamos trocar a chupeta… Imagine, brinque, Utilize o calendário do sucesso.
3- Manter a decisão com firmeza e amor! A criança chora, pede, mas é importante visualizar o filho feliz com novas atitudes… em dois dias observamos que passou e os benefícios são: a criança mais corajosa, generosa (pois deu a chupeta para o bebezinho), com autonomia e independência. Sinta o potencial de cada criança e fortaleça novos talentos com hábitos saudáveis!
Incentivar a autonomia da criança é muito importante.

Eu troco a Mamadeira por um COPO!
Alguns desafio dos pais: “Se tirar a mamadeira, meu filho não vai tomar leite no copo” ou “se ele não mamar na mamadeira, não pega no sono”. Pensando neste aspecto, a tendência dos pais é protelar a decisão de substituir a mamadeira. Vamos pensar nos benefícios de experimentar novos alimentos e exercitar a mastigação de alimentos mais fibrosos.
– a substituição por copos legais, desenvolver a habilidade de mexer a colher no copo, ou fazer leite e mexer com mixer experimentando novos sabores do leite com frutas ou até bater no liquidificador;
– fazer brinde com os copos é super legal e a criança adora! Use o calendário do sucesso para estimular novas habilidades de mastigar e estimular a autonomia, criatividade, confiança e alegria.
Obs.: Veja depoimentos no livro “Talentos que Transformam Hábitos”. Compre-o agora aqui no site, clique aqui.

Por Drª. Paulene Cardoso, Ortodontista, Mastercoach, Palestrante de Ortodontia Multidisciplinar e Hábitos Saudáveis, autora do livro Talentos que transformam Hábitos.

————-

Compartilhar: